Ao desenvolver um projeto gráfico, é importante atentar-se à qualidade de impressão para que o layout seja valorizado e transmita a mensagem de maneira eficiente. Por isso, é imprescindível definir o tipo de impressão gráfica, antes de iniciar o desenvolvimento do projeto.

Para que você fique por dentro das diversos tipos de impressão, listamos os principais tipos de impressão no mercado gráfico. 

"Primeiramente vale esclarecer o que é impressão digital, impressão mecânica e impressão hibrida"

Tipos de Impressão Gráfica

Tipos de Impressão Gráfica

Dúvidas em como imprimir o seu material? Entre em contato conosco!​​​​​​​
Nós da IBC Cartões somos especialistas em impressão gráfica, conheça nosso site www.ibccartoes.com.br​​​​​​​.

Impressão Digital:

É realizada por máquinas que recebem a informação da posição dos pontos a imprimir através de bits eletrônicos, ou seja através de um arquivo de computador e transferem a imagem a mídia que receberá a impressão. Esta transferência é realizada através da atração do pigmento num rolo e fusão do pigmento já formado na mídia ou através de gotejamento e absorção na substrato que receberá a impressão.

Impressão Digital

Impressão Mecânica:

Mais antiga remonta ao surgimento da gráfica impressa, basicamente consiste numa máquina que através de uma “fôrma” (onde está a imagem a ser impressa, transfere a tinta ao papel, por atração no caso off-set, por transferência, parecido com um carimbo, como na tampografia, tipografia, flexografia ou por extensil como na serigrafia. Assim, antes da fase da impressão é necessário produzir esta fôrma, em placas, clichés, etc, em outras máquinas que leem arquivos e transferem para estas “fôrmas” ou através de filme impresso em impressora digital.

Impressão Mecânica

Principais Diferenças entre Impressão Digital e Impressão Mecânica:

O custo desta fase anterior e do setup de máquina (instalação da “fôrma” na impressora) é fixo independente da quantidade a ser impressa, portanto, quanto maior a quantidade de cópias impressas mais diluído será este custo por cópia, enquanto no processo digital o custo fixo de uma cópia (excluída a mão de obra) é sempre o mesmo. Assim, quanto mais se imprime no processo mecânico, menor o custo unitário, enquanto no processo digital o custo de uma unidade é sempre o mesmo.

Por isso, o processo mecânico é indicado para grandes tiragens do mesmo original e o processo digital para tiragens menores do mesmo original ou grandes tiragens de originais diferentes.

Os prazos de produção também são diferenças importantes, urgências tendem a ser produzidas em processo digital.

Impressão Híbrida:

Impressão Híbrida

A impressão híbrida é a mistura de 2 ou mais processos, geralmente imprime-se cópias iguais em processo mecânico e depois imprime-se dados variáveis sobre o pré-impresso em processo de impressão digital.

Mas a impressão híbrida também pode ser a mistura de off-set e serigrafia, de qualquer método de impressão 4 cores e hot-stamp, havendo aplicações para cada mistura.​​​​​​​